Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Severo (monge)’ Category

Vat.sir.103.pt.1_0091_fa_0044r

Obs.: este e muitos outros manuscritos podem ser acessados pela internet graças ao esforço conjunto entre a Biblioteca do Vaticano e a Brigham Young University (ver links no final deste post)

Vat. sir. 103 Catena Severi

O manuscrito Vat[icani] Sir[iaci] 103 é uma coleção de comentários e notas sobre toda a Bíblia, compilados a partir de textos de escritores eclesiásticos e Pais da Igreja, dispostos de maneira a formar um comentário contínuo, encadeado (como os elos de uma corrente, por isso Catena) sobre o Antigo e o Novo Testamentos. O autor, um monge chamado Severo, completou o texto no ano 861, após dez anos de trabalho, em um monastério chamado Santa Bárbara, na cidade de Edessa (fica na atual Turquia).

Uma descrição completa deste manuscrito, em latim, é encontrada em Assemani, Biblioteca Apostólica Vaticana, Volume 3. A Biblioteca Britânica possui um exemplar (Add. 12144), provavelmente uma cópia deste mesmo manuscrito, cuja descrição, em inglês, pode ser acessada clicando aqui (ver sob número DCCCLIII). Esta descrição é bem útil para quem não sabe latim (como eu), pois apesar de serem dois manuscritos diferentes, o texto é o mesmo.

Início do Evangelho de Mateus, com textos de Eusébio de Cesaréia anotados em cima e em baixo da página, referentes à explicação da genealogia apresentada por Mateus. Estes textos foram retirados de um livro chamado "soluções para questões do Evangelho".

Início do Evangelho de Mateus, com textos anotados em cima e em baixo da página, referentes à explicação da genealogia apresentada por Mateus. Estes textos foram retirados de um livro chamado “soluções para questões do Evangelho” de Eusébios de Cesaréia. (Vat. Sir. 103 – Catena Severi f. 302r).

Para ver o manuscrito completo, acesse os links abaixo:

Vat. sir. 103 pt. 1

Vat. sir. 103 pt. 2

Vat. sir. 103 pt 3

Muitos outros manuscritos do Vaticano podem ser acessados e visualizados clicando aqui. Uma breve descrição do conteúdo dos manuscritos aramaicos (siríacos) pode ser vista aqui.

Read Full Post »

%d blogueiros gostam disto: